Apresentação do Albúm III Rui Massena Band - ELECTROMÚSICA
09 Mai

Apresentação do Albúm III Rui Massena Band

Passados 18 anos de vida musical sustentados pela sua formação e percurso sólidos, Rui Massena dá seguimento ao seu caminho no papel de maestro, compositor e pianista português. No dia 11 de Maio de 2019, às 21:30, é dia de apresentação do Albúm III Rui Massena Band, na Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão.

Lançado a 3 de Novembro pela Universal Music, este foi masterizado em Nova Iorque pelo engenheiro Grammy Joe Laporta. Esta produção de Rui Massena e Mário Barreiros, foi gravada em duas cidades.  

Rui Massena é um artista de referência da música clássica e pretende apresentar, o seu novo trabalho que conquistou um selo internacional da Deutsche Grammophon (uma das mais importantes marcas da música erudita).  Sem esquecer os seus dois primeiros álbuns, este novo álbum contou com Tobias Lehman, Mário Barreiros e a indispensável banda.  

SOLO

Rui Massena lançou o seu primeiro álbum, chamado “Solo” em 2015. Devido à tranquilidade das suas canções, marcada por momentos de grande emotividade, este álbum foi o 2º do top nacional de vendas português. No entanto com uma linguagem intimista o compositor vê este álbum como um retiro espiritual importante ao seu equilíbrio. 

ENSEMBLE

“Ensemble” é o seu segundo álbum, lançado em 2016. Rui Massena encarna a arte da conciliação, dócil ou agitada de acordo com a inspiração e as necessidades dos momentos. “Ensemble” é uma música poética que inicia com “Abraço” e despede-se com “Valsa”.  

III

“III” é o aguardado terceiro álbum de originais e foi lançado a 3 novembro de 2018, pela Universal Music. Se por um lado a electrónica e a vanguarda sonora se alojaram no caminho,  por outro lado, percebemos ao fim de poucos segundos que a música é tranquila, desafiadora e emotiva. 

Com o objetivo de manter a emotividade ( segundo álbum) e acrescentar um processo de fusão, electrónica e acústica, utilizou uma linguagem desconhecida. No álbum III, o pianista manteve a tranquilidade, com algo mais terapêutico. 

A sua formação como Maestro deu-lhe a oportunidade de liderar cerca 30 orquestras em 14 países, três continentes. Interpretou o grande repertório sinfónico da história da música. Foi o primeiro maestro português a dirigir no Carnegie Hall, em Nova Iorque e durante duas temporadas foi o Principal Maestro convidado na Orquestra Sinfónica de Roma. 

 

Criou uma orquestra sinfónica -“Fundação Orquestra Estúdio” onde foi programador musical de “Guimarães 2012 – Capital Europeia da Cultura” e foi diretor artístico e maestro da Orquestra Clássica da Madeira durante 12 anos. O seu espírito inquieto e em constante pesquisa fez Rui Massena procurar novas linguagens. A sua energia inovadora e contagiante atraiu os melhores, para o acompanharem nos seus projetos com arranjos e orquestrações da sua autoria.

 

Ainda com um jovem percurso a solo, Rui Massena é hoje ouvido em mais de 60 países e foi escolhido pela editora Deutsche Grammophon como um talento contemporâneo mundial.

Não perca a oportunidade de ouvir ao vivo a apresentação do Albúm III Rui Massena Band!

11 de Maio

Rui Massena na Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão

M/6 Anos Entrada: 14 euros; Estudantes e portadores do Cartão Quadrilátero Cultural: 7 euros.

Comentar