fbpx

COMPRAR PIANO NOVO OU USADO?

Quando comparamos um piano novo com um usado há que ter em conta que, como é óbvio, que os pianos envelhecem. E que os pianos novos também têm novos designs e uma nova construção. Por isso, antes de continuar, devemos esclarecer…

O piano continua a evoluir?

Muito. É um erro pensar o contrário. De facto, a Yamaha continua a gerar uma enorme quantidade de patentes, cuja repercussão na melhoria dos pianos tem sido sempre aplaudida pelos pianistas. Outro erro comum é pensar que os pianos melhoram com o passar do tempo, como sucede com outros instrumentos, como os violinos de certos períodos. Mas isto não pode ser extrapolado para os pianos, já que são instrumentos muito diferentes:

  1. A pressão suportada pelo tampo harmónico de um piano, devido ao efeito do apoio das suas cordas sobre as pontes, é de 200 kg. É evidente que essa pressão vai fazendo variar as características do tampo harmónico.
  2. A mecânica de um piano é muito complexa e as pequenas deteriorações notam-se. São causadas por variações de temperatura e humidade, pelo simples passar do tempo e pelo uso. Além disso, há zonas que se desgastam mais do que outras.

APROFUNDEMOS A EVOLUÇÃO DOS PIANOS YAMAHA, ANALISANDO AS DIFERENÇAS ENTRE OS PIANOS VERTICAIS E OS PIANOS DE CAUDA NOVOS E ANTIGOS. 

Voltar ao topo